RSS

FEITIÇOS DE CUPIDO

17 jul

Image

É óbvio
que todo veneno de amor
é tão inócuo
quanto é insólito
que se pense
que tal veneno
seja mortal…

Quando é passada a embriaguez
e faz-se sóbrio
o pobre coração apaixonado
vê-se que a dor sofrida
era desnecessária
e ri-se da peça
que pregamos
à nós mesmos
tão inocentemente
que parece piada o que fazemos
com tanta estupidez e seriedade!

Afinal – os feitiços de amor
duram tão pouco
tanto mais pouco
quanto mais louco
se faz o coração
na insensatez da busca apaixonada
para reter para sempre
o ser amado.

Ele sempre se vai
que o deus cupido
é uma criança irreverente e caprichosa
com suas flechas ditas mortais
brincando à toa!

E em algum dia insuspeito
em qualquer
curva do tempo
partem também
as vãs lembranças
que outrora
nos matavam de saudade!

Nara Janusz
Santos 03/06/96
02:53 am

Título da obra: “Feitiços de Cupido”

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em julho 17, 2012 em Uncategorized

 

Tags: , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: